Thursday, July 29, 2010

Aniversário: 1ª comemoração

Hoje é o dia! :-)))

Adorei! Foram várias comemorações... De manhã, com as meninas dos serviços gerais, lá na escola. A piadinha que sempre usamos é que os funcionários da secretaria e o pessoal dos serviços gerais são a "ralé" da escola...rs É porque tudo de bom, os benefícios de recessos, o horário menor de trabalho, tudo isso sempre fica para os professores... E para nós sempre sobra a ralação... Fazer o que, né? Então, hoje, quando cheguei na cozinha com um bolinho para o lanche, as meninas vieram me dar os parabéns e falaram que eu ia comemorar meu níver com a ralé...rs E querem saber? Coisa boa, viu? receber tanto carinho, com direito a cantar parabéns e eu sem saber onde colocar a cara... Nessas horas é que vejo como sou tímida, apesar de não parecer.

Quando eram 11h chegou uma amiga, a Beth, que não poderia ir no chá comemorativo. Conversamos bastante, ganhei presentinho... Depois, a caminho de casa, encontrei o Alex, um inspetor de alunos que trabalha comigo junto com a mulher dele, a Lina, que é gente boa demais! Lá veio ela com um jogo de lençóis maravilhso pra me dar de presente. Imagina só... passamos um tempão outro dia falando sobre roupa de cama, mesa e banho... e eu comentei que precisava comprar tudo isso...rs Pronto, ganhei! :-))))

Cheguei em casa cheia de pacotes e feliz. Me arrumei e lá fomos nós para a segunda comemoração... Um chá completo (delicioso!!!) em um hotel que fica no aaaaaalto de uma montanha, cujo nome auto-explicativo é: Chateau de la Montagne. Esta foi a comemoração para os amigos: Lúcia, Clarice, Newton, Deusa, Cris... A Sônia e a Val, duas queridas, não puderam ir... Daí acabei chamando meus pais, já que não me perdoaria jamais se privasse mamys de vivenciar aquilo tudo: vista maravilhosa, hotel que parece um castelinho, chá caprichadíssimo, tudo arrumado, caprichado, fofo. Pensam que acabou? Não... No sábado será a comemoração familiar!!! Vamos, eu, filhote e sócio, para a casa de meus pais para comer o tradicional bolo de coco e aproveitar para comemorar com meu irmão e minha cunhada, os "Robertos", que têm uma loja e não poderiam ir numa comemoração em dia de semana de tarde.

Ufa... :-)))) (feliiiiizzzz)

Mas e o 10º desejo?????

Tá aqui:

DESEJO NÚMERO 10: "Sou fera, sou bicho, sou anjo e sou mulher... Sou minha mãe e minha filha, minha irmã, minha menina... Mas sou minha, só minha, e não de quem quiser... Sou Deus, tua Deusa, meu amor"

Há muito tempo, talvez desde que sou menina, por mil razões, das mais objetivas e práticas até as mais transcendentais e místicas, que sei que tenho algo a fazer por este planeta. Sim... Claro... Todos nós temos...rs Mas eu quero dizer que sei que este algo TEM QUE ser feito! Não é uma coisa que eu possa deixar pra lá... É um tipo de missão. E sei que tem profunda ligação com o feminino, a mulher e tudo que há de mais sagrado nela.

O termo Sagrado Feminino virou moda de uns tempos para cá, mas eu tomei contato com este conceito e esta sabedoria em 1993, ano em que meu filho nasceu e ano em que conheci Dóris, minha bruxa-mestra, uma mulher de poder que me ensinou, me abriu para o poder que havia em mim, fez com que eu vivesse momentos absolutamente mágicos e profundos, em um tempo em que, na verdade, eu ainda não tinha estrutura para absorver completamente tudo que estava acontecendo.



Hoje, 17 anos depois, sou muito grata por tudo que ela fez e espero que ela, onde quer que ela se encontre, receba a minha gratidão. E creio que a melhor forma de agradecer é descobrindo o meu verdadeiro caminho, vibrando em mim tudo que eu trouxe para esta existência e fazendo jus ao que a Dóris dizia: "nunca deixe que ponham a mão na sua cabeça... Vc já nasceu feita! Vc sabe o que tem que fazer, só precisa lembrar"

Certa vez, ela falou que meu caminho espiritual não era nenhum que eu conhecesse, porque ele ainda não havia sido "inventado". Na verdade, segundo ela, eu seria inspirada sobre isso e eu daria o primeiro passo nesta caminhada. Não sei como, nem imagino de que maneira, mas estou aqui, aberta a descobrir que caminho é esse e como poderei trilhá-lo.

Sei que tenho muito a agradecer...

Aos ciganos que sempre estiveram comigo e me protegem, dizem que eu sou querida por atos de outras existências. Não me lembro, mas agradeço de qualquer forma ;-) eles também são queridos.


Agradeço aos índios que também sempre estão comigo, talvez em função do sangue dos meus antepassados correndo nas veias... Em especial uma velha índia que me tirou de alguns apuros, como filho com febre ou minhas cólicas mensais. Minha tribo, meu povo querido.


E, por fim, agradeço as minhas ancestrais bruxas, todas as mulheres que vieram antes de mim e realizaram seu trabalho de forma primorosa e amorosa...


Meu desejo número 10 é para que neste ano eu descubra qual a minha missão espiritual, meu caminho, meus dons a serem utilizados. Enfim, que eu consiga ampliar a minha consciência e trilhar meu caminho mágico-espiritual de maneira harmoniosa e feliz.

Amém! :-)

7 comments:

Rosana Sperotto said...

AMÉM! E assim será, Cacau! Mais um abraço, um beijo, e saiba que tuas comemorações abriram também algumas "janelinhas" para sonhos meus adormecidos. É a força do sagrado, do feminino, que toca a alma umas das outras como nessa ciranda pintada onde, por segundos, nos vi, de mãos dadas. Boa noite, bons sonhos!

Flora Maria said...

NASCEU !!!

29/7/67

"Acordei às 4h30m, alagada, pois a bolsa rompeu.
Em torno das 5h as dores começaram !
Sala de pré-parto, junto com outra mãe, essa no seu segundo filho. As horas arrastadas, a dor aumentando e a sensação que não suportaria. Mas suportei, rezando para todos os santos e santas, e às 10h25m a Cláudia espiou o mundo pela primeira vez. Eu nem vi, pois estava levemente anestesiada, apesar do parto normal.
Quando a vi pela primeira vez nem achei grande coisa, mas logo estava olhando-a com olhos embevecidos, como disse a companheira de quarto.

Assim começou a história dessa bruxinha que nasceu chorando e assim permaneceu por infindáveis momentos angustiantes para a jovem mãe que, de criança nada entendia e chorou com ela na primeira noite em casa".

FELIZ ANIVERSÁRIO, filha número 1 !!!

nancy.passos said...

Olá querida!

então, chorei com seu post e continuei chorando com os comentários....

Num curto espaço de tempo que foram alguns dias, os seus desejos amadureceram, passaram de coisas materiais e externas(maravilhosas e deliciosas) para necessidades internas e essenciais, lindo isso e acredito que é natural nas pessoas que sejam um pouquinho mais sensíveis rs...

Todo esse exercício e comemoração para mim foram, divertidos pois achei muita coisa em comum rs...foram abertos ou re-abertos novos horizontes também, me fiz muiiitas perguntas rs... e no final, que é seguido sempre de algo que está para começar, fiquei tão feliz e emocionada. Me lembrei daquele sonho que tive com você dando aula no meio da natureza e o espaço especial para mulheres.

Com DONA FLORA MARIA, fiquei sem saber oque dizer, muito linda ela, e foi um lindo presente que ela dividiu conosco, sou sua fã Dona Flora!!!

Agora de coração que todos os seus desejos sejam alcançados e que eu possa aprender muito com você!!

Beijinhos,
Nancy

Cacau Gonçalves said...

Oi, Rosana

Obrigada pelo carinho, sempre!
Suas palavras são alimento doce para a minha alma. Não é a toa que te chamo de irmãzinha ;-)

beijo!

Cacau Gonçalves said...

Ai, mãããããe

Assim eu choro!!!!
(daí vc fala: "não! não! não! Mais choro, não!!!" rsrsrsrs)

Sabe, hoje mesmo estava conversando com o Adriano, me questionando de onde veio tanto choro, tanta dor (cólicas e gripes fortes) e tanto medo (pesadelos e noites mal dormidas) logo tão pequenininha. Porque tanto antes, quando durante a gravidez tudo foi tranquilo, né? Nessas horas a gente acredita mesmo em coisas de outras vidas para explicar o inexplicável.

De qualquer forma, só tenho a agradecer, principalmente pelas noites mal dormidas (desculpaê!rs). Ninguém diria que eu ia virar uma criatura que dorme tão bem e tão fácil! :-)

Te amo!

beijo

Cacau Gonçalves said...

OI, comaaadre!

Pois então... Já viu que minha família é de escritores, né? Sou fã de carteirinha dos textos da dona Flora...rs

Pois é...Encerrado este ano de grandes desafios, vamos começar um novo ciclo. Espero que tudo seja mais belo e criativo, como sugere minha numerologia, e mais gratificante, como sugere o Arcano do ano.

Amém! :-)))

beijão queridona!

Selena said...

Que lindas palavras de sua estimada Mãe, vindo dela, não seria diferente!

Cacau, Morgana...primeiramente, mesmo que em atraso, meus cumprimentos pela passagem do seu dia!

Grata por sua visita e palavras!
Sou uma sonhadora...mas sonho demais e nisto seu nobre pai terrestre me fez despertar...mas não deixarei de sonhar, de voar nas estrelas e na imensidão do Universo...vamos?!
Claro que não! hihi

Seja imensamente bem vinda e adorei todos seus blogs...vou ver se inda falta algum pra eu seguir! hihi

Beijo de luz!